Pesquisar

Análise | Digimon Survive

A aposta da franquia Digimon para 2022

Digimon sempre foi tido como um dos principais rivais de Pokémon, principalmente por seus universos serem parecidos e suas narrativas também. E para o ano de 2022 a franquia Digimon ganhou um novo jogo, que traz elementos novos para os jogos da franquia. Nesta nova aposta a franquia abordará na sua gameplay os modelos de RPG tático e novela visual , portanto, se prepare para ouvir diálogos.  

Digimon Survive abertura

História e Narrativa 

Em Digimon Survive, o jogador terá que enfrentar longos diálogos e uma história longa, sendo assim para aqueles que gostam desse modo de jogo, irão adorar o game pois esse é o foco dele. Com uma história muito boa e que prende o jogador do inicio ao fim.

Entretanto, em alguns momentos o excesso de história e a falta de gameplay pode incomodar ao ponto de querer fechar o jogo, já que em alguns momentos o jogo acaba ficando enjoativo e sem graça ficar apenas ouvindo os personagens interagir.

Digimon Survivor gamplay

Durante a história ainda é possível perceber que os esforços para criar umas narrativas boa foram grandes, e isso deu certo, mas mesmo com uma história boa, ela não se sustenta sem a gameplay presente, fazendo assim com que o game acabe se tornando cansativo, justamente pela falta de momentos de gameplay entre os diálogos imensos.

Combate e sistema de batalha

No quesito de batalha, o jogo deixa e muito a desejar, pois ele adota uma nova dinâmica de combate, o RPG Tático, que já foi visto em jogos como Final Fantasy Tatics e Disgaea, mas mesmo tendo esses jogos como base, em Digimon Survive esse sistema não consegue chegar no mesmo nível do visto nestes outros dois jogos.

E para exemplificar como funciona esse novo sistema imagine a luta: Durante os combates, o jogo muda dos cenários 2D e se transforma em um ambiente tridimensional semelhante aos tabuleiros de xadrez, e após isso o jogador escolhe quais Digimon vão para o combate, orientando seus movimentos e ataques, turno após turno.

digimon gameplay

Mesmo que o sistema de batalha seja simples e de fácil aprendizagem, ele acaba pecando em trazer uma boa experiência para o jogador, que esperava uma batalha digna da franquia Digimon, mas acaba encontrando um sistema monótono e muitas vezes sem graça.

Mas o gameplay não é de todo ruim, em alguns momentos ele consegue ser o melhor elemento do jogo, mas que é passageiro pois logo a gameplay enjoa e não acrescenta novos elementos de progressão, algo que prejudica a experiência.

Gameplay do Digimon Surviver

Sendo assim, mesmo que em alguns momentos seja boa, a experiência dos combates de Digimon acaba fazendo o jogador querer sair do jogo depois de um tempo.

Conclusão

Por fim, é bom ressaltar que Digimon Survive é um jogo bom, porém, muito nichado para um público, fazendo com que ele fique apagado na janela de lançamento, ainda mais se for considerado que Pokémon Arceus foi lançado no mesmo ano. Então, para concluir, Digimon Survive tem seus pontos baixos e altos, mas devido a certas escolhas dos criadores o jogo acaba não chamando tanta a atenção, principalmente se tratando de um título da franquia Digimon.

Digimon surviver
Esta Análise foi feita com uma cópia cedida gentilmente pela Bandai Namco

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: