Análises Games

Análise | Ratchet & Clank: Em uma Outra Dimensão

  • Compartilhe:
Pop Art SkinsPop Art Skins
Ratchet and Clank

Ratchet & Clank: Em uma Outra Dimensão é uma obra prima. Eu poderia concluir esta análise aqui, dessa forma. Mas, estas poucas palavras não fariam jus ao legado construído pela Insomniac Games. Tampouco ao legado do Lombax mais amado do mundo e seu companheiro metálico. Fruto de 21 anos de dedicação, Em uma Outra Dimensão é o mais novo exclusivo de PlayStation 5. Além disso, é o primeiro grande motivo pra você ficar sedento para ter um console da nova geração da PlayStation.

A história de Ratchet & Clank: Em uma Outra Dimensão

Se você é fã da franquia, prepare-se para se sentir em casa. O terrível Dr. Nefarious está de volta, decidido a finalmente vencer Ratchet e seus amigos. Para obter sucesso em seu plano nefasto, Nefarious rouba a “Dimensionator”, uma arma capaz de abrir portais para outras dimensões.

Embora o plano tenha sido meticulosamente planejado pelo vilão, as coisas dão totalmente errado, gerando rupturas dimensionais. Graças a isso, temos a história mais ambiciosa e engenhosa de toda a franquia. O conceito multidimensional é bem abordado na trama e conhecemos versões alternativas de diversos personagens.

Muito mais do que cópias de outra dimensão, o estúdio se esforçou bastante para criar personalidades distintas para cada variação de personagem. O mais surpreendente de tudo? Cada um deles é explorado e muito bem desenvolvido ao longo da trama. Cada figura secundária na história recebe um pouco do brilho “Insomniaco” e certamente elas irão conquistar o coração de todos!

Além de desenvolver bem os personagens, temos uma dosagem perfeita entre diálogos hilários e conversas mais sérias. O game entrega diversos vislumbres do passado dos Lombax, o que deve tornar a trama ainda mais especial para os fãs de longa data da franquia.

Uma Lambança no Tempo

As mudanças dimensionais inegavelmente são uma das partes principais desse novo jogo. Boa parte da comunicação/promoção do título foi pautada justamente na capacidade de trocar instantaneamente de dimensão. Em condições normais, as Fendas servem apenas para você se locomover nos cenários. E acredite, elas ajudam bastante. Em muitos trechos o jogo vai lançar dezenas de inimigos na tela. As Fendas ajudam bastante na rotatividade da “arena”, tornando possível que você não sofra muito dano.

Além desta função de travessia pelo mapa, as Fendas também geram cenas fantásticas (mas guiadas) durante missões principais da campanha. Embora estes segmentos sejam fortemente scriptados, muitos deles parecem ser até coisa de PS6. Mal pude acreditar em meus olhos em muitos trechos da aventura principal.

Achou pouco? As Fendas também possibilitaram a inserção de duas mecânicas inéditas que trazem uma variedade muito bem vinda no quesito gameplay. Em primeiro lugar temos os Cataclismas Dimensionais. Estes Cataclismas só podem ser corrigidos por Clank e basicamente consistem na resolução de Puzzles. Nestes segmentos, você vai precisar posicionar corretamente diferentes esferas para corrigir o Cataclisma. Apesar de não existir uma quantidade boa destes Cataclismas, eles ao menos permitem alguma interação com Clank.

Por fim, mas não menos importante, em alguns momentos você vai encontrar dispositivos infectados por um vírus. É aí que Glitch, um robô, entra em ação. O “drone-aranha” se infiltra no dispositivo com o objetivo de eliminar os ninhos de Vírus e limpar a infecção, permitindo que o dispositivo seja utilizado. Apesar de não ser tão impactante pra narrativa, o componente traz ainda mais variedade a jogabilidade.

A raça Lombax: Os melhores exploradores Interdimensionais

Em Ratchet & Clank: Em uma Outra Dimensão, visitamos 9 planetas distintos. Pode-se dizer que todos eles já são conhecidos pelos fãs da franquia. Contudo, graças ao poder do PS5 e das fendas dimensionais, cada visita traz consigo fortes emoções. Em determinados trechos, o título mais parece ser um filme jogável da Pixar do que um jogo eletrônico. Em outras partes, podemos facilmente pensar que se trata de um jogo de PS6. A Insomniac fez mágica neste game.

Ratchet & Clank

Para facilitar a exploração, quase tudo fica marcado no mapa. Os cristais de Raritânio (usados para melhorar as armas), as partes de equipamento, os Spybots (que desbloqueiam o Rhino) e os Parafusos de Ouro. Falando especificamente dos Parafusos, eles funcionam da mesma forma que o antecessor, liberando extras incrivelmente engraçados como a possibilidade de transformar sua Chave Inglesa em um Peixe-Espada.

Em suma, a única coisa que não é marcada no mapa são os Ursos de Pelúcia. Existe um urso em cada planeta e eles são necessários para a platina. Caso você não use um guia, se prepare para vasculhar cada canto dos cenários! A exploração ajuda a extender um pouco a duração do título. O 100% deve levar entre 18 a 20 horas.

Caso você queira extender ainda mais sua aventura, o título apresenta o “Modo NG+”, com armas inéditas e as variações Ômega. Como o componente não é completamente necessário para a platina, provavelmente não vai ser muito explorado. Com exceção é claro dos fãs da saga.

O Arsenal de Ratchet e Rivet

As armas e equipamentos coletados são compartilhados entre os dois personagens. Variedade é a palavra-chave aqui! Durante a campanha normal você vai obter cerca de 18 armas que irão te ajudar a combater o maligno Imperador Nefarious. Embora exista algumas armas tradicionais, temos outros armamentos irreverentes que se tornaram marca registrada da franquia.

Ratchet & Clank

Existem armas que transformam os inimigos em plantas, outra congela todos na área de explosão e por aí vai. Cada objeto vai até o Nível 5, e, ao atingir o nível máximo, os disparos são alterados, se tornando mais poderosos. Caso você seja um fã de longa data, as armas Ômega estão de volta, presentes no NG+.

Além das armas de fogo, o game possui conjuntos de equipamentos que concedem bônus aos heróis. Aumento de dano, defesa, maior número de “moedas” dropadas e por aí vai. O mais legal de tudo é que ao coletar o equipamento, os bônus se tornam passivos. Em suma, você pode trocar tranquilamente seus equipamentos/visuais e continuar com todos os bônus acumulados.

O Poder do PS5

Em muitos momentos, o jogo parece ser mais uma aventura de PS6. Os visuais são inacreditáveis, rivalizando com as animações mais belas da Pixar e Disney. A ausência de loadings e um uso maravilhoso do DualSense reforçam a enorme potência do PS5.

Ratchet & Clank

Apesar de já termos visto um vislumbre desse poder no remake de Demon’s Souls e em Returnal, o novo jogo da saga Ratchet vai fazer com que as pessoas saiam em disparada, desesperadas para adquirir um PS5. Isso é nova geração, em sua maior e melhor forma.

Ratchet & Clank: Em uma Outra Dimensão – Definitivamente Vale a Pena!

Não sei se é possível você ainda ter dúvidas, mas sim, o game definitivamente vale a pena. Com os melhores visuais da história da PlayStation, uma animação de ponta e uma história que mescla com perfeição seriedade e alívio cômico, considero o jogo obrigatório para todo e qualquer dono de um PlayStation 5. É impossível bater o arrependimento. Nesta nova geração, a Insomniac dispara na frente, fazendo o “impossível”, distribuindo magia em tudo que se propõe a fazer. Julgando pelo calendário atual de lançamentos, vai ser difícil remover o GOTY da dupla de Lombax!

 Esta análise foi feito com uma cópia cedida pela Sony


Para mais informações sobre games, acompanhe a Manual no Facebook, Twitter, Instagram e através de nosso canal no Youtube.

Publicado em 8 de junho de 2021 às 11:02h.
2021-06-08 11:02:29