Análises Games PC Playstation Xbox

Análise | Remnant: From The Ashes

  • Compartilhe:
Pop Art SkinsPop Art Skins

RemnantFrom the Ashes é o mais novo título desenvolvido pela Gunfire e publicado pela Perfect Word. É um jogo de ação e sobrevivência em terceira pessoa ambientado em um mundo cheio de criaturas perigosas. O título está disponível para PS4, Xone e PC. 

Luta pela sobrevivência 

O game se passa em um mundo pós-apocalíptico tomado por uma entidade chamada de Raiz, que deixou a humanidade a beira da extinção. O plot principal gira em torno dos mistérios que envolvem esta entidade e seu reinado de terror que se estende em diversos mundos, que podem ser explorados através de um portal chamado de Labirinto. 

Primeiras escolhas 

O jogador pode escolher entre três estilos de jogabilidade, onde temos o Ex-Culista que é voltado no suporte da equipe e tendo foco no combate na distância média. Sucateador tem seu foco no combate à curta distância, voltado em confrontos corpo a corpo. Caçador que utiliza métodos de combate a longas distâncias. Cada estilo de jogo vem com equipamentos e armas referente a classe selecionada, dando maior dinâmica no gameplay, principalmente se jogado online com mais três amigos. 

Um problema enfrentado é a lentidão na movimentação do personagem, gerando em alguns momentos certos desconfortos, ainda mais se lembrarmos que é um game Shooters. Quando enfrentamos combates mais frenético com vários inimigos, está falta de agilidade torna o jogo ainda mais desafiador, mas não no bom sentido, tornando o personagem um alvo fácil e dificultando o combate corpo a corpo. 

Jogadores que não são acostumados em se preocupar com a munição, sofreram uma dose maior de sua dificuldade. A munição é um elemento que deve ser muito bem administrado, pois é escassa forçando o jogador a usar combates corpo a corpo, que tem suas limitados como já citado. 

Cenários 

Os gráficos presentes no jogo são bons, mas o que surpreende é a imersão que trazem, cenários devastados onde a cada mundo tem suas particularidades muito bem definidas. Estes acertos auxiliam o game a contar sua história, demonstrando o tamanho do poder da entidade Raiz através da devastação que gerou.   

O que não acompanha com tanta maestria a imersão que os cenários trazem é a trilha sonora, boa parte sendo que em muitos momentos ela simplesmente não existe, e quando é reproduzida não combina com o ritmo do combate, indo contra a proposta abordada pelo game, fazendo falta em muitos momentos. 

Inimigos 

Um grande acerto do game é a incrível variedade de chefes, cada um contendo suas particularidades, gerando ótimos desafios com batalhas únicas, os inimigos normais também tem seus designers muito bem definidos, tendo variações conforme o cenário. 

Customização de armas 

RemnantFrom the Ashes tem um sistema de criação e customização, que é habilitado quando derrotamos os chefes, coletando materiais para a confecção das mais diversas armas e equipamentos, que vão desde: Lança chamas á espingardas que criam mini buracos. Estas criações tem muitas variedades, fazendo com que o game se torne mais divertido. 

Vale a pena? 

RemnantFrom the Ashes cumpre bem a proposta que oferece, com ótimas batalhas contra chefes, mitologia rica, elementos de RPG e Shooters, mas mantendo uma identidade muito bem definida e própria. O jogo é uma ótima escolha para players que procuram uma boa experiencia multiplayer coop. 

Publicado em 27 de setembro de 2019 às 08:00h.
2019-09-27 08:00:17