Pesquisar

Análise | The Last of Us PC

Finalmente, o aclamado exclusivo da Sony, que recentemente teve sua série de sucesso lançada na HBO, chega ao mundo dos PCs! Prepare-se para mergulhar na emocionante história e conhecer os inesquecíveis personagens de The Last of Us, um jogo que conquistou inúmeros prêmios e arrebatou uma legião de fãs apaixonados. Hoje, vamos analisar a aguardada versão de PC deste título, que gerou muita controvérsia em seu lançamento. Então, pegue sua pipoca e embarque conosco nesta aventura!

Para aqueles que ainda não estão familiarizados com The Last of Us, o jogo se passa em um mundo pós-apocalíptico, onde a civilização foi devastada. Infectados e sobreviventes veteranos perambulam pelas ruas, tornando a vida um verdadeiro desafio. Joel, nosso personagem principal, é um homem mais velho e cansado, que é contratado para escoltar uma jovem de 14 anos, Ellie, para fora de uma zona de quarentena militar. O que começa como uma simples missão, rapidamente se transforma em uma emocionante jornada através de um país em ruínas.

01
Análise | The Last of Us PC 8

Um lançamento conturbado

Embora esta análise possa parecer um pouco tardia, a verdade é que The Last of Us chegou ao PC com diversos problemas que precisavam ser abordados. O desempenho deixou a desejar e, em alguns casos, jogadores relataram que o jogo chegou a causar danos em seus computadores. Por isso, optei por esperar por atualizações que solucionassem a maioria dos bugs antes de mergulhar na experiência.

Mais de uma semana após o lançamento, mesmo com patches e um hotfix de driver da Nvidia, alguns problemas persistem. A expectativa era de que a chegada de The Last of Us ao PC fosse marcada por excelência, especialmente considerando a reputação de peso que o título carrega. Se tudo estivesse funcionando perfeitamente, sem dúvida, seria um grande acerto para os fãs e um marco na plataforma.

No entanto, apesar dos contratempos, é inegável que The Last of Us é um jogo de qualidade. A comparação entre a versão para PC e console fica prejudicada pelos problemas técnicos, mas a essência do título permanece intacta. Resta esperar que futuras atualizações corrijam as falhas e permitam que os jogadores de PC desfrutem da experiência completa de The Last of Us.

02
Análise | The Last of Us PC 9

A prova de fogo

Joguei The Last of Us no PC utilizando a seguinte configuração:

  • Placa Mãe Asus Prime B450-Plus
  • 2x 16Gb Hyper X Fury 3200Mhz
  • Placa de vídeo RTX 2060 Super Galax White OC
  • SSD M.2 NVMe XPG 512Gb e 1 SSD da Kingston de 1Tb
  • Processador Ryzen 5 5600X
  • Water Cooler Cooler Master MasterLiquid ML240L V2
  • Gabinete Thermaltake V250
  • Monitor Gamer AOC Hero 27′ LED, 144 Hz, Full HD

Ajustei as configurações e ativei o DLSS em qualidade, o que me permitiu obter taxas de quadros constantes e sólidas, além de reduzir os problemas. No entanto, ainda não consegui aproveitar plenamente a experiência devido às questões técnicas mencionadas anteriormente.

03
Análise | The Last of Us PC 10

Muito potencial na mesa

É importante ressaltar que, em termos de qualidade de história, trilha sonora e enredo, The Last of Us é uma verdadeira obra de arte. Infelizmente, os problemas técnicos no PC impedem que os jogadores apreciem a experiência completa, enquanto os jogadores de console não enfrentam tais dificuldades.

Ainda assim, tenho fé de que, com o tempo, a Sony corrigirá os problemas de The Last of Us para que os jogadores de PC possam desfrutar do jogo em sua totalidade. Agora, vamos nos concentrar no jogo em si, na esperança de que, em breve, ele se torne plenamente jogável para todos os fãs de PC.

04
Análise | The Last of Us PC 11

Sobreviva

A história de Joel, nosso personagem principal em The Last of Us, é intensa, visceral e repleta de dilemas. O apocalipse, como cenário, é brilhante por eliminar todas as distrações da vida cotidiana, deixando apenas o essencial em foco. Como a humanidade persiste quando tudo ao seu redor desmorona? E o mais complexo de tudo: como manter a própria humanidade?

Joel vive o luto e utiliza essa dor a seu favor, desligando seus sentimentos e fazendo o que é necessário para sobreviver. Sua vida muda ao encontrar Ellie, uma garota de 14 anos que precisa ser contrabandeada para fora da cidade. A partir desse momento, conflitos internos e desafios com Ellie surgem. The Last of Us, lançado originalmente para console em 2013, conquistou uma legião de fãs e, com a série na HBO, atraiu ainda mais admiradores. Por isso, as expectativas estavam altíssimas para o lançamento do jogo no PC.

05
Análise | The Last of Us PC 12

Novos recursos para PC

Assim como outros exclusivos da Sony lançados para PC, The Last of Us traz uma série de recursos da plataforma para aprimorar a intensa jornada de Joel e Ellie. Entre as melhorias de qualidade, encontramos compatibilidade com AMD FSR 2.2 para processadores AMD e Nvidia DLSS Super Resolution para placas de vídeo Nvidia. Além disso, o jogo oferece opções de VSync e limites de taxa de quadros.

Os jogadores também podem ajustar diversos aspectos gráficos, como a qualidade das texturas, sombras, reflexos e oclusão ambiental. A compatibilidade com monitores ultra-wide proporciona uma experiência mais imersiva, enquanto o áudio 3D permite ouvir detalhes como folhas balançando, vidros quebrando e os passos dos inimigos.

The Last of Us no PC também oferece suporte a diferentes controles, incluindo os do Xbox e do próprio PlayStation, além do tradicional teclado e mouse, tão apreciado pelos jogadores de PC. Essa variedade de recursos e opções de personalização enriquece a experiência.

06
Análise | The Last of Us PC 13

Mas eai vale a pena jogar The Last of US no PC?

Então, será que vale a pena jogar The Last of Us no PC? Como mencionado, o jogo é rico em detalhes, possui uma história incrível e uma jogabilidade envolvente. Os jogadores podem evoluir os personagens, melhorar as armas, adquirir novos itens e criar melhorias para aumentar as chances de sobrevivência. A ambientação é impressionante e, sem dúvida, o jogo é uma experiência que vale a pena.

De forma geral, The Last of Us é um jogo incrível em cada detalhe: os olhares trocados, as palavras não ditas e a jornada emocional dos personagens. É uma lição sobre como agir e sobreviver após perder tudo e todos, além de reencontrar sentimentos que pareciam mortos e enfrentar o medo de perdê-los novamente. The Last of Us brilha em diversos aspectos, mas é lamentável que a versão para PC tenha sido prejudicada pelos problemas técnicos, resultando em uma avaliação abaixo do esperado.

00
Análise | The Last of Us PC 14

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: