Jogos Microsoft Notícias PC Playstation Sony Xbox One

Cidades que estão se tornando referência mundial nos e-sports

  • Compartilhe:
Pop Art SkinsPop Art Skins

Não há mais dúvida quanto ao potencial dos e-sports. A popularização massiva dessa modalidade e o crescimento cada vez maior dos seus respectivos torneios tornaram os eventos de games como CS: GO e League of Legends como verdadeiros espetáculos aguardados com muita antecedência.

Cidades como Katowice, Colônia e Las Vegas são algumas do rol dos grandes centros dos esportes eletrônicos. Abaixo, citamos essas e outras que também estão se tornando referência.

Las Vegas

Capital do Estado de Nevada, Las Vegas é um enorme paraíso do entretenimento. Entre cassinos e casas de show, a cidade movimenta bilhões de dólares todos os anos e já abraçou os e-sports há muito tempo.

Em Las Vegas, campeonatos de jogos de luta como Street Fighter são muito populares. Desde 2005, por exemplo, acontece a Evolution Championship Series, que é o maior torneio de games desse gênero do planeta.

A cidade já foi palco de algumas ótimas apresentações de jogadores brasileiros. Em 2017, por exemplo, a SK Gaming, que na época contava com muitos brasileiros, foi vice-colocada na DreamHack Las Vegas.

Não são só os gamers brasileiros que se dão bem em Las Vegas. O brasileiro João Simão, um dos melhores da história no poker, tem um excelente histórico na cidade mais luminosa dos Estados Unidos. Só neste ano, por exemplo, Simão já ganhou mais de US$ 90 mil disputando os torneios de poker mais importantes do planeta em Las Vegas.

Entre os motivos para o sucesso de Simão e outros brasileiros está o aumento de popularidade do poker online que fez com que cada vez mais brasileiros jogassem no exterior em tom de igualdade contra os melhores do mundo. Atualmente, por exemplo, não é preciso nem mesmo realizar investimento inicial para jogar contra pessoas do mundo todo — como é o caso do ReplayPoker.

A relativa proximidade com o Brasil (em relação à Ásia e Europa) faz com que Las Vegas seja muito querida pelos jogadores brasileiros, sejam eles do poker ou dos esportes eletrônicos.

Colônia

Localizada no interior da Alemanha, Colônia tem se tornado um dos verdadeiros centros dos esportes eletrônicos na Europa. A cidade já foi várias vezes sede do Intel Extreme Masters e desde o início da década tem sido importante para o cenário dos e-sports.

Além de ser uma casa consolidada dos torneios de CS: GO, Colônia também já recebeu eventos relevantes de outros games, como StarCraft II, Quake Live e até mesmo League of Legends.

Toda essa reputação faz com que Colônia seja considerada a “Categral do CS: GO”, o que traduz bem a importância dessa cidade para o game.

Katowice

No sul da Polônia, Katowice tem se tornado uma das principais cidades do mundo para os esportes eletrônicos. Na Arena Spodek são sediados alguns dos principais eventos do ramo. Tudo começou na IEM de 2012, quando eles receberam a Global Challenge.

Neste ano, a Arena Spodek sediou o primeiro Major de CS: GO da temporada e teve premiação de aproximadamente US$ 1 milhão. Na ocasião, a Astralis venceu a ENCE e se tornou a grande campeã.


Sediar grandes eventos dos esportes eletrônicos faz com que o turismo em Katowice prospere consideravelmente. Só o IEM no ano passado proporcionou que a cidade crescesse em €22 milhões. “A estimativa em questão foi dada levando em conta setores como o de propaganda, que analisa o interesse do público em visitar ou conhecer um ponto turístico”, aponta Matheus Oliveira, redator do site Versus.

Estocolmo

Na Suécia estão algumas das equipes mais conhecidas de CS: GO, como é o caso da Fnatic e da Ninjas in Pyjamas. Além de ser um grande celeiro de times de qualidade nesse game, a capital do país recebe eventos de muito destaque no mundo dos esportes eletrônicos.

Em Estocolmo geralmente há etapas da DreamHack, competição famosa por realizar torneios voltados para Dota 2, StarCraft e, claro, CS: GO. A capital sueca também é casa de vários bootacmps, que são centros de treinamento para times profissionais.

Assim como Katowice, Estocolmo recebe atenção especial dos turistas nos meses em que acontecem torneios relevantes por lá.

Seul

É impossível listar grandes sedes dos e-sports sem mencionar Seul. A Coréia do Sul é uma das grandes pioneiras na profissionalização dos esportes eletrônicos e muito disso passa pelo fato que a população local adora os games mais populares de lá.

Com uma incrível cultura de e-sports, a Coréia do Sul já sediou torneios de enorme destaque em diversas modalidades, como é o caso da final do Mundial de League of Legends de 2014. Na ocasião, o evento foi disputado no Seul World Cup Stadium e teve casa lotada com direito a audiência de 11.2 milhões de telespectadores.

Já no ano passado, a cidade de Incheon, localizada a menos de 40 minutos de distância de Seul, foi casa da final do Mundial de League of Legends.

O futuro está cada vez mais na China

Em 2022, Hangzhou será sede dos Jogos Asiáticos e representará a primeira vez que os esportes eletrônicos estarão presentes em um evento com modalidades tradicionais de grande porte. A China está se preparando muito bem para tal e já inaugurou a cidade dos e-sports.

Um complexo de 17 mil metros quadrados em que aproximadamente R$ 1 bilhão já foram investidos, esse lugar virou casa da LGD (equipe de League of Legends do país) e para os próximos três anos a expectativa é que seja construída mais de 10 instalações gamers com direito a hotel temático, hospital, centro acadêmico de e-sports e até mesmo parque de diversões.

Para os próximos anos, a China pretende investir aproximadamente R$ 8 bilhões no complexo. Dessa maneira, é bem provável que Hanghzou passe a receber eventos de grande porte para se consolidar de vez como uma capital mundial dos e-sports.

Com o investimento cada vez maior nos e-sports, grandes complexos como Hanghzou provavelmente se multiplicarão em outros países com alto poder de capital. Quem mais tem a ganhar com tudo isso é a popularidade dos esportes eletrônicos.

Publicado em 9 de julho de 2019 às 13:07h.
2019-07-09 13:07:25