Críticas Filmes

Crítica | Vingadores: Ultimato

  • Compartilhe:
Pop Art SkinsPop Art Skins

Após um ano do lançamento dos Vingadores: Guerra Infinita, a Marvel nos entrega a sequência do filme mais aguardado dos últimos tempos. Em Vingadores: Ultimato vemos nossos heróis tentando seguir com suas vidas e tentando transmitir força aos últimos sobreviventes do universo, mesmo que para eles seja impossível esquecer a derrota que sofreram contra o terrível titã, Thanos.

Após 5 anos, os vingadores sobreviventes têm uma surpresa agradável que faz renascer a esperança em trazer de volta todos os seres que foram transformados em poeira pela manopla do infinito. Eles vão precisar deixar as suas diferenças de lado e unirem forças para tentar o impossível.      
Vingadores: Ultimato é muito mais do que esperamos durantes esses últimos 11 anos. Trata-se de uma história completa, construída ao longo dos 22 filmes do MCU. Dirigido pelos Irmãos Russo e com roteiro de Christopher Markus e Stephen McFeely, o filme traz todos os elementos de sucesso dos filmes da Marvel. Os momentos de alívio cômico, os diálogos bem elaborados e os momentos de emoção que vão fazer muitas lágrimas serem derramadas no cinema.

A história destaca os primeiros vingadores e mostra como cada um se transformou durante essa jornada. E graças ao roteiro bem trabalhado, conseguimos passar por vários personagens que nos foram apresentados pelo Universo Marvel de uma forma sutil e bem explorada.

As cenas de batalhas são dignas dos HQs. É tudo que os fãs dos quadrinhos sempre sonharam. São cenas que fazem os expectadores vibrarem e gritarem, correndo os olhos de um lado para o outro da telona, pois em todas as partes havia um herói enfrentando o exército do Thanos.     
Vingadores: Ultimato não é o que você esperava. Está além disso. É um filme completo e que costura bem tudo o que foi construído nos últimos anos. Certamente será um filme que lembraremos por décadas e contaremos a gerações futuras que estávamos presente nessa grande celebração dos heróis no cinema.   

Publicado em 26 de abril de 2019 às 14:33h.
2019-04-26 14:33:14