Pesquisar

EA demite até 100 funcionários após a divisão da FIFA

FIFA

Funcionários trabalhavam diretamente com o FIFA 22

Após a separação entre EA e FIFA, parece que a EA demitiu cerca de 100 funcionários que trabalhavam diretamente com o FIFA 22

De acordo com o site Kotaku, a EA optou por demitir até 100 funcionários em seus escritórios em Austin após a separação da FIFA. A equipe mais afetada foi a responsável pelo atendimento ao cliente que auxiliou no suporte por e-mail, telefone e bate-papo para jogos como FIFA 22.

Ainda segundo o site, a EA agora irá contratar uma empresa terceirizada para realizar esse serviço, cujo o qual terá um valor menor ao qual era pago aos funcionários.

A empresa afirmou que as demissões, embora tenham acontecido depois da divisão entre a EA e a FIFA não tem relação nenhuma com essa separação.

As mudanças em nossa função de suporte ao cliente não estão vinculadas a nenhuma franquia de jogos, nem estão conectadas ao anúncio do EA SPORTS FC na semana passada”

Até o momento não sabemos como isso afetará os jogadores, mas assim que essa troca for feita, aí sim saberemos a real mudança que essas demissões vão causar.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: