Especiais Jogos

Hora da Verdade | Tudo sobre o modo battle royale; como explicar o sucesso? Até quando irá durar?

O Hora da Verdade é uma série de matérias aqui da MDG onde discutimos sobre problemas e assuntos polêmicos envolvendo o mundo dos jogos. Esta é a quinta matéria da série. Nesta, falaremos sobre o modo battle royale.


O modo mais famoso dos últimos tempos, o battle royale conquistou e ainda conquista milhões de jogadores todos os dias. Jogos como Fortnite, PlayerUnknown’s Battlegrounds, H1Z1, fizeram e fazem tremendo sucesso, mas como explicar tanto amor e tanto ódio em relação a este modo? Como ele surgiu? Como explicar tamanho sucesso? Até quando irá durar? Essas e outas questões, nós tentaremos levantar e explicar um pouco aqui.

O que e é como surgiu

Vamos dar uma de Wikipedia para explicar essa parte. Em resumo battle royale é um gênero que mescla os elementos de sobrevivência, exploração e eliminação de jogadores inimigos. Jogos Battle Royale desafiam um grande número de jogadores, começando com quase nada, para procurar armas e equipamentos para eliminar outros adversários, evitando ficar preso fora de uma área segura, com o vencedor sendo o último competidor no jogo (last man standing). O nome para o gênero é tirado do filme japonês Battle Royale, lançado em 2000 , que apresenta um tema similar de uma competição em uma zona de jogo encolhida.

As origens do gênero em jogos surgiram de mods para jogos de sobrevivência on-line como Minecraft e ARMA 2, antes de se popularizarem com jogos independentes como o PlayerUnknown’s Battlegrounds e o H1Z1. No mesmo ano, o Fortnite Battle Royale rapidamente se tornou um fenômeno cultural, superando outros jogos termos de número de jogadores e receita.

Como funciona uma partida

Os jogadores vencedores de CS:GO, Halo e Call of Duty e outros jogos são determinados pela sua habilidade. Se você é melhor que o oponente, você geralmente vence. Com o PUBG por eexemplo, existem muitas variáveis ​​que podem afetar a vitória. Loot e drops são aleatórios, o spawn inicial é aleatório, o círculo que diminui com cada estágio para restringir a área jogável é aleatório. Estas estão fora do controle dos jogadores, exigindo que eles se adaptem para ganhar vantagem. Ainda assim, até mesmo um veterano pode perder para alguém que tenha apenas algumas dezenas de jogos em seu currículo.

No PUBG, para começar cada partida, até 100 jogadores se encontram, esperando que todos se conectem. Uma vez que os jogadores estejam em número suficiente, o jogo lança todos em um avião e define um caminho aleatório sobre o mapa. Os jogadores podem escolher quando saem do avião para ir para algum local do mapa.

Nem todos os locais podem ser alcançados na saída do aviao, já que cada mapa é bastante grande (ainda falando de PUBG). Isso torna possível escolher entre um local remoto com pouca atividade ou uma cidade movimentada com 30 ou mais sobreviventes para combater. As decisões podem ser revertidas no meio do vôo conforme você (ou sua equipe) olha em volta para ver quem está pousando nas proximidades.

E como tudo é distribuído aleatoriamente, incluindo loot, drops e aparecimento de veículos, ele cria uma experiência nova a cada partida. Tente pousar no mesmo prédio em cada jogo e você será equipado com dois rifles automáticos em uma partida e nada além de uma panela em outra (odeio quando isso acontece). Tudo é variável, e nem sempre a habilidade se sobressai.

Conforme o tempo vai passando o jogador deve buscar loot e equipamentos melhores, para sobreviver até o final. Com o circulo diminuindo, o jogador deve se posicionar para ficar a salvo dentro do círculo. No final de tudo isso, o último a ficar vivo vence a partida, matando ou não os jogadores adversários.

Sucesso

O sucesso é fácil e difícil ao mesmo tempo. Mas se resume em ser divertido, bem projetado e desafiador. Grátis também entraria nesta lista, no caso do Fortnite. Para Brendan Greene, a extensão do gênero dos jogos de liberdade de sobrevivência, combinados com estrutura suficiente para impulsionar as partidas, criaram uma experiência que os jogadores não conseguiam encontrar em jogos de tiro existentes ou em jogos de sobrevivência.

“Eu acho que você sabe, especialmente com Battlegrounds, não há maneira certa de jogar”, disse Greene. “No entanto, você quer jogar é com você. É um desafio, você sabe – é contra outras pessoas. Não é algo que você possa prever, é contra outra pessoa, e eu acho que esses são os melhores tipos de interação ”.

O gerente geral do H1Z1, Anthony Castoro, disse que as apostas do Battle Royale também trabalham para diferenciá-lo de outros gêneros de jogos competitivos. Ao contrário da maioria dos jogos de tiro, em que os jogadores podem morrer e voltar a entrar no jogo quase imediatamente, os jogos Battle Royale incentivam a sobrevivência.

Ódio

Mas e o ódio onde que entra nisso? Com tamanho sucesso, o modo foi visto com bons olhos por criadores de jogos do mundo todo. Todos queriam e querem uma fatia do sucesso do battle royale em seus jogos, seja através de um modo ou de um jogo solo.

Com isso muita gente ficava em dúvida se algum jogo viria ou não com o modo. Igual ao que acontece quando se fala em microtransações e caixas de loot. De tantos jogos com o battle royale, algumas pessoas pegaram raiva e o modo   até virou motivo de piada, como o exemplo do Totally Accurate Battlegrounds.

Qual o futuro do battle royale

Com o subgênero battle royale oferecendo aos jogadores a chance de testar seu valor contra um grande grupo de jogadores, poucos jogos podem oferecer o mesmo tipo de emoção e satisfação ao fazer uma boa jogada. Mas apenas em 2018, vimos vários jogos que buscavam acompanhar o mesmo hype em torno do modo de jogo, incluindo o Darwin Project, SOS, Paladins: Battlegrounds e Radical Heights – que recentemente foi descontinuado.

Em um caso estranho, os desenvolvedores por trás do jogo de RPG Path of Exile incluíram uma atualização gratuita do April Fools apresentando um novo modo de jogo Battle Royale, que acabou sendo um sucesso surpresa.de acordo com o blog do desenvolvedor . Apesar de ter levado apenas um dia para os criadores, mais de 27.000 jogos foram jogados em suas primeiras 31 horas online. Devido ao sucesso, os desenvolvedores estão procurando implementar o modo como parte de seu conteúdo sazonal.

Em maio, a Treyarch e a Activision revelaram o modo de battle royale em Call of Duty: Black Ops 4, intitulado Blackout. Pouco tempo depois, EA e DICE revelaram Battlefield  V também com um modo battle roale.

Há uma boa chance de que o Battle Royale seja um modo de jogo normal para muitos jogos de tiro online crescerem. Uma coisa é certa: o battle royale é muito bom e tem mercado. Com tantos jogos Battle Royale a caminho, e com o Fornite se afirmando como o número 1 a cada dia, outros desenvolvedores vão tentar introduzir o modo. Greene dá as boas vindas às mudanças e títulos que estão chegando, adotando o tipo de jogo, enquanto todos adicionam sua própria visão única sobre ele.

Publicado em 7 de julho de 2018 às 09:25h.
2018-07-07 09:25:25

  • Compartilhe: