Nova skin de CS:GO está sendo vendida por mais de R$ 7.000

Nova skin do CS:GO está com valor alto no mercado

A mais nova operação da CS:GO, Broken Fang, está agora disponível para os jogadores. Com esta atualização, muitas novas coleções de skins foram adicionadas ao jogo.

Uma dessas coleções, a coleção Control, contém uma das skins mais caras do jogo, a AWP Fade. Ela tem um belo acabamento para uma arma icônica e é extremamente rara.

Para ter a chance de conseguir uma skin como essa, você precisará ir ao armazém de operações e gastar 4 estrelas para ter uma chance aleatória de retirar esta skin  da coleção Control. A probabilidade de obter esta arma é inferior a 1%. Os jogadores só ganham 10 estrelas por semana de graça no passe, então você só terá 2 tentativas por semana para tentar conseguir isso de graça.

Nova skin de CS:GO está sendo vendida por mais de R$ 7.000

Devido a esta extrema raridade, a arma já está listada em mais de R$ 7.000.

Esses preços altos não são algo novo, com armas como a AWP Dragon Lore valendo fortunas. O preço pode disparar após o término da operação Broken Fang, já que a coleção fica indisponível após o término da operação.

Source 2 em 2021

Sendo estabelecida por um longo tempo como uma das mais famosas experiências FPS multiplayer, mudanças radicais no CS:GO são bastante incomuns atualmente. O jogo é definido em uma fórmula estável, com poucas grandes mudanças. A grande exceção veio recentemente com a possível mudança para a engine Source 2 da Valve, uma vez que roda na Source 1 há anos.

Por um tempo, parecia que a mudança para a Source 2 havia sido cancelada. No entanto, informações recentes da Valve indicam que a mudança para a nova engine pode não estar totalmente morta, apenas atrasada. De acordo com Tyler McVickers, da Valve (via  Dexerto), a codificação real da transferência está quase concluída. A Valve está mais preocupada com o lançamento real e a apresentação da transferência, o que pode levar algum tempo.

CS:GO

McVickers sugeriu que teria que haver extensos testes beta, o que poderia atrasar o lançamento da transferência em alguns anos. Por outro lado, ele também afirmou que é possível que isso seja feito até o final do próximo ano, mas o extenso catálogo de conteúdo criado por fãs para o  CS: GO torna isso improvável.

O maior obstáculo ao CS: GO é a enorme quantidade de conteúdo da comunidade. É uma biblioteca tão grande de coisas que uma grande parte da energia investida nos testes beta  seria, além de encontrar bugs, reter a biblioteca de conteúdo.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: