Pokémon GO: motivos para você voltar a caçar e batalhar!

Pokémon GO

A febre de 2016 está em crescimento no número de jogadores e possibilidades de jogabilidade

A gente sabe que lá em 2016 você torcia para que surgisse uma pokeparada ou um ginásio na sua casa ou escola, reclamava sobre não ter pokémons para caçar sem a necessidade de sair para andar e também queria bater um x1 com os amigos. Provavelmente esses argumentos te ajudaram a decidir largar a vida de treinador e são eles mesmos que vão te fazer voltar.

Aos seis anos de existência, Pokémon GO está em uma crescente de downloads. Em junho, o app foi o segundo mais baixado entre os jogos mobile na Google Play Store, vencendo Candy Crush (4ª posição), Garena Free Fire (5ª posição) e Genshin Impact (6ª posição). No ranking geral, o jogo da Niantic está em 4º lugar, atrás de PUBG Mobile, Genshin Impact e Honor of Kings. Os dados foram publicados em um relatório da SensorTower.

E por que crescer agora? Se você jogou lá em 2016 e ficou um bom tempo sem dar uma olhada no game, com certeza vai se assustar com o tanto de possibilidades que surgiram.

O x1 tá liberado e a rinha nos ginásios também

Para alegria de todos, podemos esbanjar Mewtwos, Raikous e outros lendários nas batalhas particulares. O modo é livre, sem a necessidade de passe como acontecem nas reides e pode ser feito à distância. Além de utilizar ataques especiais recarregáveis, o jogador ainda pode usar dois escudos contra eles (e de graça). As batalhas estão disponíveis nos menus de cada jogador amigo, logo abaixo do nível de experiência.

O recurso de grupo também é possível em reides e nas batalhas comuns de ginásios. Caso você esteja derrotando um ginásio junto de alguém, o pokémon aparece ao fundo da arena, combatendo junto com você o oponente. Esse detalhe, além de um aspecto visual legal, pode ser útil para saber se você está competindo o domínio do ginásio com alguém de outro time. Além disso, é possível ganhar até 50 moedas diárias com pokémons em ginásios, a serem trocadas por itens da loja.

Mais pokémons, mais poképaradas, mais tudo

É absurda a quantidade de pokémons que spawnam hoje. Só de abrir o app para escrever essa matéria, apareceram cinco espécies diferentes. A quantidade é enorme a ponto de precisar escolher quais capturar e, mesmo assim, precisar economizar moedas para comprar espaço. 

Não só a disponibilidade de caça, Pokémon Go também atualizou (e ainda está atualizando) o Pokédex. Se encontrar todos os bichinhos da região de Kanto já era difícil, até o momento existem espécies de Johto, Hoenn, Sinnoh, Unova, Kalos, Alola e Galar. Resumindo, já existem 809 espécies prontas para entrarem na sua coleção.

E para que seja possível caçar tanto, é preciso ter cada vez mais postos de reabastecimento de pokébolas, poções de vida, frutas e outros itens. Em 2020 ficou disponível a função de sugestão de novas poképaradas aos jogadores a partir do nível 40 e, depois de dois anos, é bem visível a diferença que a funcionalidade fez. 

Em cada poképarada, também é possível coletar presentes a serem enviados para seus amigos, com cartão postal e figurinhas para colar e fixar em um livro de colagens. Colecionar esses cartões virou uma febre, já que é possível salvar as imagens de esculturas, grafittes e outras características engraçadas do local das poképaradas em um livro no seu perfil, visível ou não aos outros jogadores.

Preparem-se para a encrenca! Encrenca muito mais que em dobro

Para proteger o mundo da devastação… Ou não. A equipe Rocket decolou muito além de Jessie e James e agora cria batalhas em muito mais lugares. Ao que o jogo é iniciado, um balão da equipe é visto sobrevoando seu local. Se tocar, um recruta Rocket te desafiará para uma batalha, valendo um pokémon sombroso. Esse tipo é, em geral, mais forte que os de captura normal e precisam ser purificados após a captura.

Ao derrotar recrutas, partes misteriosas são coletadas e juntas formam uma bússola para encontrar poképaradas dominadas pela equipe. Nelas estão líderes e outros membros mais fortes da Rocket, mais difíceis e com pokémons de níveis mais altos.

pokemon detective pikachu

Outros updates

Eventos, vestuário e missões são atualizadas frequentemente, ponto positivo para manter os jogadores na ativa. Também é possível tirar fotos conjuntas com pokémons de outros jogadores no modo de realidade virtual, alimentar seu companheiro e deixá-lo caminhando ao seu lado nas aventuras. O modo “sincroaventura” permite que o game colete dados geográficos em segundo plano para contabilizar a caminhada para chocar ovos sem a necessidade de deixar o Pokémon GO aberto.

O consumo da bateria do celular também diminuiu, até mesmo com uma opção de redução de uso nas configurações do jogo. Apenas o consumo de espaço do aparelho ainda é um pouco alto, chegando a competir em tamanho com o app do Facebook, por exemplo. 

Para quem já se divertia com a versão raíz do jogo de realidade aumentada, com certeza agora vai se divertir ainda mais. Você parou de jogar Pokémon GO e quer voltar? Nunca deixou seus pokémons? Conta pra gente!

Por fim, não deixe de conferir outras notícias recentes abaixo:

Enfim, não deixe de acompanhar os grupos de ofertas da Manual dos Games e desfrute de vários produtos com excelentes descontos! No Whatsapp ou Telegram, estamos esperando por você

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: