Pesquisar

Análise | Tales of Symphonia Remastered

Tales-of-Symphonia-Remastered-01

Tales of Symphonia Remastered é uma versão atualizada do clássico jogo de RPG japonês originalmente lançado em 2003 para o Game Cube, desenvolvido pela Bandai Namco. Uma versão remasterizada foi publicada em 2014 para Playstation 3 e PC, chegando mais recentemente para o Nintendo Switch, onde ele cai como uma luva.

Aqui vamos acompanhar as aventuras de um jovem herói, Lioyd Irving e sua equipe em uma jornada para salvar o mundo da destruição. Tales of Symphonia entrega uma história bem elaborada e, mesmo que apresente uma infinidade de clichês, envolvente, aprofundadas pelas excelentes cutscenes em estilo de anime impressionantes. Com diversas reviravoltas e momentos emocionantes que funcionam e fazem o jogador se importar com o que acontece com os personagens e o destino do mundo.

Tales of Symphonia Remastered 04

Embora apresente mecânicas de jogo datadas, apresenta um sistema de combate em tempo real bastante divertido, e em determinados momentos desafiador. Você poderá controlar um personagem em batalha, em quando os outros serão atacam e defendem automaticamente. Os personagens são separados pelas classes tradicionais (suporte, tank, mago, healler…), que como em todo bom JRPG, precisaram ser utilizadas com algum nível de estratégia para que se aproveite o máximo das suas habilidades de ataque e defesa.

Tales of Symphonia Remastered

Combate tradicional

Nos combates é possível ainda criar combos e ataques especiais combinados para causar quantidades brutais de dano nos inimigos, além de em dado momento do jogo poder sumonar poderosos espíritos para auxiliar ao longo das batalhas. Eu diria que o sistema de combate é o ponto alto do jogo, porém para os mais tradicionalistas, aqui existe uma infinidade de side-quests e mini-games que variam desde corridas até pescarias e cozinhar coisas estranhas. É possível até mesmo criar sua própria loja!

Tales of Symphonia Remastered 08

Por tratar-se de uma remasterização Tales of Symphonia, espera-se que tenhamos gráficos atualizados, bom, nesse ponto devo salientar que após a introdução da história em forma de anime que acompanhamos logo no início do jogo, você vai saber que está jogando um game com quase 10 anos de idade. Apesar dos gráficos atualizados e da trilha sonora reformulada, todo o aspecto visual do game é extremamente datado. O que pode ser ruim para jogadores mais jovens, e pode ser extremamente positivo para os gamers mais puristas, que adoram a manutenção da sensação oferecida pelo game original.

Tales of Symphonia Remastered 05

Quase 10 anos de Tales of Symphonia

Bom, são quase 10 anos desde o seu lançamento original, e muitas das mecânicas de jogo, ainda que funcionais, envelheceram mal. Toda a dinâmica de gameplay é muito datada e pode ser um incomodo para os jogadores mais jovens e volto a repetir, uma maravilha para os jogadores que tem alguma lembrança afetiva do jogo original.

Tales of Symphonia Remastered 255

Vale a pena jogar Tales of Symphonia Remastered?

No geral, Tales of Symphonia Remastered é uma ótima escolha para fãs de RPGs japoneses que desejam reviver a experiência do jogo original ou experimentá-lo pela primeira vez. Com sua história emocionante, jogabilidade datada, porém envolvente e visuais até certo ponto atualizados, caso você goste de JRPGs com uma boa narrativa a despeito de uma mecânica de jogo datada, este é um jogo que certamente vale a pena jogar.

Tales of Symphonia Remastered nota final
Esta Análise foi feita com uma cópia cedida gentilmente pela Bandai

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: