Ubisoft vai deixar de lançar 3 AAAs por ano; foco será jogos gratuitos

A Ubisoft inegavelmente é conhecida pela quantidade insana de lançamentos. A editora francesa costuma publicar cerca de 3 a 4 jogos premium por ano. A estratégia deu certo por longos anos, contudo, o jogo parece ter virado.

Com jogadores se queixando cada vez mais da repetição e se aproveitando da rápida desvalorização dos jogos da empresa, a Ubi decidiu tomar uma medida drástica. A companhia francesa anunciou que vai mudar toda a sua estratégia de lançamento.

Em suma, adeus 3 a 4 jogos premium em caráter anual. Na nova estratégia da empresa, um dos principais alicerces serão os jogos gratuitos. A companhia tem notado que esta é a atual tendência do mercado e vai se apoiar nisso para se destacar. Ao analisar o desempenho de jogos como Fortnite e Call of Duty: Warzone, fica fácil entender o motivo.

Apesar de serem gratuitos, estes jogos geram bilhões de dólares em receita através da venda de Passes de Batalha e itens cosméticos. Essa é uma fatia de bolo que a Ubi anseia em pôr na boca. A empreitada vai ser iniciada através de The Division Heartland, o próximo grande jogo da franquia que será gratuito.

O desafio da Ubisoft

Apesar de parecer uma tarefa fácil, emplacar jogos gratuitos é muito mais difícil do que um título premium. A própria Ubi já arriscou com Hyper Scape, um battle royale que não teve muita adesão por parte do público. A editora possui jogos em produção que vingariam bastante se adotassem o modelo. Um deles é Riders Republic. Todavia, o jogo continua sendo um título premium.

Um dos games que deve ter sua economia transformada é Skull and Bones. Como ele está sendo refeito, não seria estranho se a Ubisoft tornasse o jogo gratuito com venda de cosméticos e passes de temporada.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.

Gostando de nossos conteúdos? Nos ajude compartilhando.​

VEJA TAMBÉM

Comentários: